CDPR já gastou U$121 milhões em Cyberpunk 2077 e outros projetos

CDPR já gastou U$121 milhões em Cyberpunk 2077 e outros projetos

A CD Projekt RED gastou mais de U$120 milhões no desenvolvimento de Cyberpunk 2077 e em outros projetos não anunciados, confirma a empresa em um novo relatório corporativo.

Cyberpunk 2077 é um projeto caro. A CDPR atrasou o jogo duas vezes e gastou dezenas de milhões na criação de tecnologias de última geração que permitem fazer com que grandes cidades digitais permaneçam vivas com IA em tempo real.

Cyberpunk 2077 e o investimento milionário da CD Projekt RED

De acordo com o último relatório corporativo, a empresa gastou U$121,09 milhões em projetos em desenvolvimento em 30 de junho de 2020.

Isso inclui Cyberpunk 2077 e outros jogos como o confirmado modo multijogador e projetos não anunciados, como o novo game no universo de The Witcher.

Os gastos com projetos de jogos aumentaram 77% recentemente, possivelmente devido ao atraso de Cyberpunk 2077 ou por causa de mudanças das equipes para a dedicação de projetos futuros.

Cyberpunk 2077 com Ray Tracing
Cyberpunk com Ray Tracing apresentado durante evento da Nvidia

RELACIONADOS:
Veja Cyberpunk 2077 rodando nas novas placas de vídeo da Nvidia
Cyberpunk 2077 vai exigir menos espaço de armazenamento que COD: Warzone
Cyberpunk 2077 terá DLC grátis

Sobre o desenvolvimento de jogos da CDPR, sabemos que há uma equipe para Cyberpunk e outra para a franquia The Witcher. Obviamente, Cyberpunk é o mais importante agora, e será no futuro previsível até que o modo multiplayer seja lançado.

Após o jogo Cyberpunk, os desenvolvedores poderão se dedicar mais a The Witcher.

No momento, a série The Witcher aparece pelo jogo de cartas Gwent, Thronebreaker e o novo jogo para celular recém anunciado.

“Já estamos trabalhando em outro jogo para um jogador, criamos um conceito relativamente claro que está esperando por mais desenvolvimento”, disse o presidente do CD Projekt Group, Adam Kicinski, em um evento para a imprensa em março de 2020 na Polônia.

Gerenciar duas grandes franquias separadas (The Witcher e Cyberpunk), com várias equipes de desenvolvimento independentes, permitirá que a empresa conduza um trabalho paralelo em vários projetos e suavize seu cronograma de lançamento de longo prazo.

Esta migração para um modelo de dupla franquia apoiado em várias linhas de produtos independentes também permite a otimização das atividades fabris e financeiras, mitiga importantes fatores de risco e facilita a procura de realização profissional dos colaboradores da Empresa.

Arma em Cyberpunk 2077

Cyberpunk 2077 deve ser lançado em 19 de novembro de 2020 no PS4, Xbox One e PC. Também está chegando ao PlayStation 5 e Xbox Series X como uma atualização gratuita para qualquer um que comprar a versão atual.

Redator Pixel

Escrito com carinho por um dos nossos melhores redatores :)