Jogo na Urna, o futuro de 171 e mais: Confira os principais destaques do Nacionais em 2018

Jogo na Urna, o futuro de 171 e mais: Confira os principais destaques do Nacionais em 2018

Após publicarmos uma reportagem contando a curiosa e importante saga de criar uma igreja para o Hanzo, o Nacionais sofreu uma grande virada e se tornou um veículo exclusivamente focado em games. Desde o começo de 2018, estamos trazendo conteúdos visando mostrar que os jogos eletrônicos são uma ótima plataforma para contar história e, além disso, também são feitos por pessoas com grandes histórias.

Durante nossa caminhada no jornalismo de games, conversamos com estúdios de diversos lugares do mundo e jogamos muita coisa, incluindo blockbusters, projetos independentes e produções brasileiras.

De janeiro até agora, começo de novembro, nós já escrevemos mais de 146 mil palavras aqui no site, publicamos quase 100 horas de vídeos no YouTube e 1.907 minutos de podcast. Gente do céu, é coisa pacas. E, como nosso lance é fazer curadoria e ajudar vocês a aproveitarem o melhor conteúdo da internet, fizemos um compilado com as nossas produções preferidas deste ano :).

Dá para rodar jogos na Urna Eletrônica?

Veja a reportagem completa aqui

Durante a madrugada do sábado que antecedeu o primeiro turno das eleições presidenciais, Mateus Mognon teve aquelas epifanias loucas que só vem com uma alta dose de sono: qual é o hardware da urna eletrônica?

https://www.youtube.com/watch?v=PKdKSphvnY0

Felizmente, ele anotou a ideia antes de dormir, fez uma pesquisa na manhã seguinte e o resultado disso foi uma breve reportagem falando sobre a urna eletrônica, seus componentes principais e a sua possível habilidade para rodar jogos.

171: O que aconteceu com o “GTA brasileiro”?

Veja a reportagem completa aqui

Em mais um dia normal na redação do Nacionais (aka a casa do Mateus e do Neri), surgiu a ideia de buscar informações sobre 171, um ambicioso jogo brasileiro que prometia trazer uma vibe de Grand Theft Auto, mas com ambientação no Brasil.

O projeto foi anunciado há anos e está sendo feito por uma equipe de poucos desenvolvedores. Como os updates sobre o game são escassos, Neri Neto entrou em contato com os caras para saber em que pé está 171. Além de uma reportagem sobre o game, a entrevista também rendeu um vídeo opinativo.

A relação entre a realidade e Concrete Genie

Veja a reportagem completa aqui

Durante a Paris Game Week 2017, a Sony anunciou o jogo Concrete Genie, que mostra a história de uma criança que utiliza arte de rua para escapar dos valentões e tentar tornar a sua cidade mais bonita. Mateus Mognon pegou a premissa do jogo e a discutiu com quem está dentro dessa área, pixadores e grafiteiros.

Além de contar sobre o desenvolvimento do jogo, a reportagem também traz a opinião de especialistas sobre arte de rua e um histórico do grafite e a pixação no Brasil, que ainda geram muita polêmica no nosso país.

Os brasileiros que estão dublando jogos antigos

Leia a reportagem completa aqui

Além de ter uma crescente indústria de jogos independentes, o Brasil também possui uma movimentada cena de modders que dão sobrevida a games antigos. Enquanto o pessoal do Bomba Patch mantém os jogos de PS2 atualizados, a galera do site Silent Fandub está trazendo dublagem para games como Resident Evil e até Crash Bandicoot.

silent-hill-silent-hill-4-fandublagem-ps2-pc

Nós trocamos uma ideia com os caras do Silent Fandub, que fazem tudo isso na base do amor, e também com o pessoal do Bomba Patch, que vive em busca de patrocínios para sobreviver. Em ambos os casos, o trabalho feito por tem importância no cenário de jogos brasileiro, uma vez que o PS2 é um console bem forte por aqui.

A curiosa história de Baldi’s Basics

Leia a reportagem completa

Um dos fenômenos do YouTube em 2018 foi Baldi’s Basics in Education and Learning: um jogo mal feito, com mecânicas capengas e gráficos horrendos, mas que conseguiu uma grana alta no Kickstarter para ganhar uma sequência.

Baldi's Basic Education and Learning - Demo de acampamento

Nós trocamos uma ideia com o criador do game, um jovem norte-americano que sonha em ser um grande desenvolvedor, e descobrimos mais sobre esse curioso jogo ruim que ganhou o coração de muitos gamers. Se você é novo na internet e quer saber mais sobre grandes ícones do mundo dos games, também temos reportagens contando a origem de grandes desenvolvedores como Gabe Newell e Hideo Kojima, além de plataformas de games como a Steam e a loja brasileira Nuuvem.

Life is Strange 2 e os problemas sociais dos EUA

Confira a crítica completa aqui

A franquia Life is Strange é conhecida por trazer temas importantes para os games, e Life is Strange 2 chegou fazendo isso com uma voadora na cara dos Estados Unidos. O jogo acompanha a história de Sean e Daniel, dois meninos de Seattle que veem seu pai, mexicano, ser morto por um policial.

Em sua crítica do game, Neri Neto comenta sobre como o jogo aborda a xenofobia em seu primeiro episódio, que acompanha a ida dos dois irmãos para a cidade Natal de seu pai, no México. O texto também tem um valor emocional importante para a equipe do Nacionais, pois Life is Strange é uma das séries de games preferidas dos dois membros do time, que receberam o novo jogo de forma antecipada para produção de conteúdo.

Como os jogos são feitos? Conversamos com desenvolvedores de Blazing Chrome e A Hat in Time

Ouça o Podcast aqui

O Brocast Nacionais já conta com mais de 30 episódios desde a sua estreia, e um dos preferidos da galera é o podcast sobre desenvolvimento de jogos. O time do Nacionais comentou sobre como está a indústria de games independentes junto com Danilo Dias, que está fazendo o game brasileiro Blazing Chrome, e Graciliano Junior, que faz parte da equipe por trás de A Hat in Time.

como fazer jogos desenvolvimento conversamos com joymasher blazing chrome a hat in time gears fro breakfast

Além de trazer informações exclusivas sobre a criação de ambos os games, o podcast mostra como são os bastidores do desenvolvimento de um jogo independente. O programa também serve para humanizar a área e mostrar que existem pessoas trabalhando para sobreviver e tentar realizar seus sonhos enquanto levam diversão para os gamers.

Life is Strange :Trocando uma ideia sobre o game

Ouça o podcast aqui (Contém spoilers de Life is Strange)

Antes da chegada de Life is Strange 2, nós reunimos uma galera que manja da franquia para comentar sobre seus pontos altos e aquecer os fãs para a chegada no novo jogo.

O programa contou com a participação dos dois integrantes do Nacionais, que são viciados na franquia, e mais convidados com histórias marcantes com o game, incluindo o pessoal do canal Vamos de Três.

Como é ser jornalista? Profissionais falam sobre o tema

Ouça o Podcast aqui

Mateus e Neri estão prestes a se formar em Jornalismo e resolveram conversar com ex-alunos do curso da UFSC que já estão atuando na área para saber como anda o mercado de trabalho. O podcast contou com a participação de uma jornalista que trabalha no interior, um assessor de comunicação e um checador do Aos Fatos, agência de fact-checking que teve bastante trabalho durante as eleições.

como é ser jornalista - william bonner como capa do Brocast

O podcast mostra que as expectativas dos pais de verem os filhos na bancada do Jornal Nacional é algo nada comum. Além disso, os entrevistados trouxeram diferentes visões da profissão graças às suas experiências distintas como profissionais de comunicação.

A linguagem dos jogos cinematográficos

Um dos objetivos do Nacionais é mostrar como os jogos são uma boa plataforma para contar história, e alguns games conseguem fazer isso adotando técnicas conhecidas do cinema. Em um dos vídeos mais maneiros que já fizemos, disponível abaixo, nós apresentamos títulos que se destacam graças a sua narrativa.

https://www.youtube.com/watch?v=g8fFVeyw2PQ

A lista conta com jogos marcantes como The Last of Us e Tomb Raider, além de projetos que trouxeram grandes inovações para o storytelling nos games, como Hellblade, que aborda temas psicológicos, e A Way Out, um jogo que traz multiplayer em tela dividida obrigatório. Você pode conferir mais informações sobre todos os jogos comentados no vídeo aqui.

Jogos brasileiros para ficar de olho em 2018

No começo do ano nós produzimos um vídeo listando os principais games brasileiros que chegaram durante 2018 ou estão em estágio avançado de desenvolvimento.

https://www.youtube.com/watch?v=6GWEmyjTgtE

O vídeo mostra produções que chegaram com sucesso de crítica e público, como Horizon Chase Turbo, e projetos que chamam a atenção pelo seu gameplay, incluindo Dolmen e Aritana 2, que foi tema de uma reportagem aqui no site.

Conheça Twin Mirror, jogo que está chegando em 2019

A Dontnod ficou conhecida por produzir Life is Strange, mas está mostrando sua versatilidade nos últimos anos. Além de lançar Vampyr, o estúdio apresentou neste ano Twin Mirror, mais um game bem maneiro focado em narrativa.

https://www.youtube.com/watch?v=b5lNKfiZ9Nc

O jogo acompanha a história de Samuel Higgs, um jornalista que volta para sua cidade natal após a morte de um amigo. E o que era para ser apenas um triste funeral acaba se tornando uma jornada cheia de mistérios. Além do vídeo acima, já fizemos outros textos e estamos sempre ligados para trazer novas informações sobre o game, bem como The Dark Pictures: Man of Medan, que segue uma vibe bem parecida.

Como funcionam as câmeras nos jogos

Além de falar sobre as histórias dos games e contar as histórias de pessoas por trás de seu desenvolvimento, o Nacionais também mostra como tudo isso é feito.

https://www.youtube.com/watch?v=Wan7mM1jqzk

Uma das nossas séries de vídeos no YouTube é mais técnica e ensina o funcionamento básico de mecânicas que vão desde softwares até capturas de movimento. Com sua experiência em Unreal Engine 4, Neri Neto explica como são funcionam as câmeras nos jogos no vídeo acima. Se você curte essa área e pensa em entrar para o mundo de desenvolvimento de games, nós também temos um texto bem massa dando dicas de como começar nessa área.

Confira todos os episódios do Brocast

Se você é novo por aqui e está em busca de mais conteúdos, confira tudo o que produzimos aqui no nosso site no Menu lá no topo da página. E se você já é nosso fã, conheça nossa campanha de financiamento coletivo, que sorteia jogos mensalmente para quem nos apoia.

Redator Pixel

Escrito com carinho por um dos nossos melhores redatores :)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.