Novos jogos Bethesda não serão exclusivos do Xbox

Novos jogos Bethesda não serão exclusivos do Xbox

A Microsoft comprou a Bethesda por U$7,5 bilhões, mas isso não significa que todos os jogos futuros serão exclusivos do Xbox.

New Bethesda games won't all be Xbox exclusives 65 | TweakTown.com

Todos os jogos da Bethesda estão chegando ao Xbox Game Pass para consoles Xbox e PC, a Microsoft confirma, mas os jogadores de PlayStation não ficarão de fora de lançamentos futuros. A Bethesda planeja honrar acordos de exclusividade pré-estabelecidos com títulos como Deathloop e Ghostwire Tokyo no PlayStation 5. A Microsoft também confirma que os futuros jogos da Bethesda serão lançados em outras plataformas título a título.

Quando questionado sobre Starfield e outros jogos chegando ao PlayStation, Phil Spencer, do Xbox, disse ao site Bloomberg: “Nós consideraremos outros consoles caso a caso.”

Phil Spencer - Microsoft, Apple, Epic Games

Pete Hines, da Bethesda, também confirma que a empresa ainda publicará seus próprios jogos sob o rótulo Bethesda Softworks. Enquanto alguns títulos provavelmente serão bloqueados para o Xbox, grandes novos IPs como Starfield ou The Elder Scrolls VI também podem ser lançados em consoles PlayStation.

O que mais se espera aqui é desempenho e recursos exclusivos, não necessariamente lançamentos de jogos exclusivos. The Elder Scrolls VI, por exemplo, pode ter recursos exclusivos de suporte a mod não disponíveis no PlayStation 5. Isso pode ser lançado como conteúdo extra em DLCs e, é claro, recursos facilitados pela GPU 12TFLOP de ponta do Xbox Series X.

A indústria de jogos ainda está se recuperando do anúncio, mas é ótimo ver que nem todos os jogos da Bethesda serão exclusivos do Xbox daqui para frente. Fallout, Elder Scrolls e Doom sempre prosperaram como lançamentos de plataformas múltiplas de terceiros e é provável que continuem assim.

Assinaturas do Game Pass aumentaram 5 milhões em cinco meses

A compra da Bethesda, investimentos altíssimos em computação na nuvem e um novo consoles só são possível graças a uma receita gorda que a Microsot tem gerado.

Uma de suas fatias de lucro é o Xbox Game pass, que teve aumento em assinaturas de quase 50% em apenas 5 meses, mostrando o quão poderoso é o serviço.

Assinaturas do Xbox Game Pass

As assinaturas Game Pass e Game Pass Ultimate da Microsoft são tão importantes que se tornaram o centro do Xbox. Os consoles são apenas o mecanismo de entrega do Game Pass, que por sua vez se tornou a principal via de entrega de jogos e conteúdo. O serviço orientado agora tem 15 milhões de assinantes, confirmou a Microsoft, quase 5 milhões de usuários pagos desde abril de 2020.

RELACIONADOS:
Microsoft compra Bethesda e agora é dona de Elder Scrolls, DOOM e outras franquias
Fallout 76, Elder Scrolls 6 e mais: Todos os trailers da conferência da Bethesda na E3 2018
Microsoft compra Bethesda e agora é dona de Elder Scrolls, DOOM e outras franquias

Esse crescimento é tremendo para a marca Xbox, a Microsoft não se preocupa muito com as vendas de hardware. Ela faz muito dinheiro oferecendo seu serviço de relação WIndows 10 PC e Xbox.

O Game Pass prova que a Microsoft não precisa vender 100 milhões de consoles para gerar toneladas de receitas sustentáveis de longo prazo. O Xbox rotineiramente fatura U$ 10-11 bilhões a cada trimestre para a Microsoft, e deve entregar ainda mais à medida que continua agregando enorme valor ao serviço Game Pass.

Jogos da Bethesda que agora também são da Xbox Microsoft

A Microsoft está apostando tudo no Game Pass e não tem medo de alterar o preço do serviço ao longo do tempo.

Desde o seu lançamento em 2017, o Game Pass teve um grande efeito nos ganhos do Xbox. As receitas anuais têm aumentado constantemente graças em parte ao Game Pass, que oferece acesso a mais de 100 jogos por uma taxa mensal.

Esse crescimento deve continuar à medida que mais conteúdo for implementado no serviço nos próximos anos, incluindo o futuro Starfield IP da Bethesda e The Elder Scrolls VI.

Você pode assinar o Game Pass por R$1 no primeiro mês diretamente no site do Xbox.

Bethesda faz a “maior revisão de motor gráfico da história” para Elder Scrolls 6

Ainda sobr a compra da Bethesda, o estúdio diz que realizou sua “maior revisão de motor gráfico desde TES Oblivion” para garantir que seu mecanismo de criação esteja em ótima forma para hardware de próxima geração.

Bethesda does 'largest engine overhaul in history' for Elder Scrolls 6 43 | TweakTown.com

Todd Howard é um dos principais nomes quando falamos da Bethesda e ele continuará na nova fase Microsoft.

Howard diz que tanto Starfield, épico espacial de RPG interestelar singleplayer, quanto The Elder Scrolls VI serão rodados em uma nova versão da Creation Engine, motor gráfico dos jogos da Bethesda.

Esta nova atualização do motor é especificamente otimizada para hardware de console de próxima geração, incluindo o Xbox Series X e Series S duo, diz Howard.

“Com cada novo ciclo de console, evoluímos juntos. Desde o fato de trazer mods para consoles” com Fallout 4, agora com mais de um bilhão de downloads, às tecnologias mais recentes alimentando o Xbox Series X / S. Esses novos sistemas são otimizados para os vastos mundos que amamos criar, com saltos de geração não apenas em gráficos, mas também em CPU e streaming de dados. Isso levou à nossa maior revisão de motor desde Oblivion, com todas as novas tecnologias alimentando nosso primeiro novo IP em 25 anos, Starfield, bem como The Elder Scrolls VI “, disse Howard no post.

É claro que não sabemos exatamente o que são essas otimizações, mas esperamos ver os recursos básicos da próxima geração, como carregamento ultrarrápido e mundos mais imersivos, graças à tecnologia de streaming de dados das APIs DirectX 12 Ultimate, como DirecStorage e a nova arquitetura Velocity. Isso tudo, é claro, com Ray Tracing.

Isso ecoa o que Howard disse em março sobre a tecnologia visual de próxima geração da Bethesda que está desenvolvendo especificamente para a TES VI:

“Estamos construindo agora a tecnologia que vai alimentar nossos jogos futuros”, disse Todd Howard no vídeo do 25º aniversário de Elder Scrolls em março de 2020.

“Estamos usando a fotogrametria para escanear todos esses itens do mundo real e levar nossa futura tecnologia para jogos a níveis que não havíamos feito antes.”

Também esperamos ver Starfield e Elder Scrolls VI sendo lançados no Game Pass quando forem lançados.

Bethesda Game Studios e todos os estúdios internos da Softworks como Tango, id e MachineGames são agora estúdios “Xbox Originals”. Isso significa que todos os seus jogos serão lançados simultaneamente no Xbox, PC e Game Pass – completos com streaming integrado via Project xCloud.

Hoje é um grande dia para ser um playder do Xbox, a inclusão da Bethesda na marca trará décadas de valor.

Redator Pixel

Escrito com carinho por um dos nossos melhores redatores :)