Project Winter: Uma análise do menu na busca por partidas

Project Winter: Uma análise do menu na busca por partidas

Project Winter me chamou a atenção com seus gráficos cartunizados e violência na neve, mas até agora não consegui experimentar seu gameplay por um simples motivo: meus amigos não possuem o título e as partidas são escassas.

Produzir um jogo 100% online pode ser uma boa para times independentes, afinal, é uma chance de monetizar com a venda de itens, quem sabe se tornar um viral ao estilo Fortnite e até chamar a atenção de gente poderosa.

O problema, porém, é a dependência ininterrupta de jogadores.

Como não consegui jogar o indie social de sobrevivência, o que me restou foi opinar sobre o que deu pra acessar: o Menu Inicial.

Por causa disso, vou opinar aqui sobre o que eu consegui aproveitar do jogo: o seu Menu Inicial, que me fez pensar mais do que nunca na importância do single-player no mundo dos games.

Projetct Winter: menu bonito, menu formoso

Sala de espera do jogo Project Winter
Assim como em um jogo de tabuleiro, fica mais fácil jogar Project Winter com amigos de verdade

Assim como acontece nos trailers, o menu de Project Winter também chama a atenção pelos belos gráficos cartunizados.

A paisagem de neve, com montanhas e uma cabana, servem como pano de fundo para as opções principais: criar um novo jogo ou entrar em uma partida.

7 jogos de tiro em primeiro
pessoa (FPS) pra jogar offline em 2020

O tempo de resposta é preciso, mas como a busca por oito jogadores é demorada, resolvi explorar as opções extras para trazer mais conteúdo e uma opinião embasada sobre as configurações do game.

Configurações gráficas do game
Galera que curte gráficos no PC: olha só quanta opção! Dá pra fazer muita combinação enquanto os jogadores não aparecem

Na página dos gráficos, o pessoal da Other Ocean Interactive fez um bom trabalho e trouxe opções suficientes para nenhum PC Gamer botar defeito.

Outro ponto positivo é a interface em português brasileiro, algo a gente não encontra nem mesmo em blockbusters como Kingdom Hearts 3.

As configurações escolhidas automaticamente supriram minhas necessidades visuais e, após fazer o tour das specs, descobri que também existe um mini-game que pode ser acessado durante a espera.

Sim, enquanto você busca mais pessoas para jogar, dá para ficar jogando bolas de neve e caminhando no limitado cenário.

Uma boa forma de distrair o jogador, mas que ainda perde pontos quando lembramos de um recurso de desenvolvimento antigo conhecido como campanha single-player.

Menu Multiplayer Project Winter

Muito multi, pouco player

Project Winter chegou na Steam em fevereiro com uma proposta 100% multiplayer: você se reúne com oito pessoas para sobreviver em uma nevasca e todos precisam trabalhar em equipe para sobreviver.

O problema, porém, é que existe um traidor entre a galera.

Project Winter - GIF
Project Winter parece realmente divertido, você só precisa ter uma galera pra poder entrar no jogo

A proposta é incrível: interação social à nível de jogos de tabuleiro em uma experiência mortal, imersiva, com recusos inteligentes e 100% online.

Só falta o basicão: os usuários.

Na época de seu lançamento, o game até fez um barulho graças a campanha de lançamento feita pelo pessoal da Terminals.io, que fechou grandes parcerias com youtubers de sucesso.

Manter o ritmo, porém, é outra história.

As críticas positivas de quem conseguiu jogar são unânimes, a experiência de jogo é top, mas achar com quem jogar é bem complicado.

Ou você convence meia dúzia de amigos a desembolsarem quase quarenta reais e todo mundo compra o jogo, ou você faz como eu, e fica esperando no menu a ponto de conseguir analisar a fluidez dos movimentos do ponteiro do mouse (que é bem bonitinho, inclusive).

A arte de Project Winter é bem bonita. Quanto ao gameplay, não posso falar nada…

Project Winter ainda está em acesso antecipado e deve ficar assim por pelo menos seis meses.

Até seu lançamento final, o time da Other Ocean Interactive ainda tem tempo de pensar em mais formas de aumentar a comunidade do game mundialmente, inclusive no Brasil, que já tem servidores dedicados para o game.

Uma pequena experiência single-player além das bolas de neve seria uma ótima adição também, afinal, sempre é bom ter algo pra passar o tempo enquanto você está no jogo e não está…jogando.

Você pode conferir mais informações sobre Project Winter em sua página na Steam.

Redator Pixel

Escrito com carinho por um dos nossos melhores redatores :)