E3 2020 é oficialmente cancelada por causa do coronavírus

E3 2020 é oficialmente cancelada por causa do coronavírus

A maior feira de jogos está pulando um ano. A E3 2020, que estava planejada para acontecer no Centro de Convenções de Los Angeles em junho deste ano, foi cancelada como resultado do coronavírus Covid-19, que atualmente está se espalhando pelo mundo, disseram os organizadores da conferência.

E3 e o cancelamento deste ano

“Após uma consulta cuidadosa com nossas empresas associadas sobre a saúde e a segurança de todos em nossa indústria – nossos fãs, nossos funcionários, nossos expositores e nossos parceiros E3 de longa data -, tomamos a difícil decisão de cancelar a E3 2020, programada para 9 e 11 de junho em Los Angeles ”, disse a Entertainment Software Association, o grupo que administra a feira, em comunicado à imprensa nesta manhã.

A ESA acrescentou que procurará “coordenar uma experiência on-line para exibir anúncios e notícias do setor em junho de 2020”.

Tradicionalmente, o E3 tem duas partes. Durante os primeiros dias do show, de sábado a segunda-feira, grandes editoras de videogame, como Microsoft e Ubisoft, realizam coletivas de imprensa para exibir trailers que anunciam seus jogos mais recentes, enquanto que de terça a quinta-feira o espaço do show abre para negócios e demos de videogame.

A primeira parte será muito mais fácil de replicar do que a segunda. A Microsoft já anunciou um evento digital do Xbox para este ano:

Este ano, uma recém-chegada planejava entrar em campo. A Warner Bros. Games estava se preparando para sediar uma conferência de imprensa da E3 pela primeira vez, de acordo com três pessoas familiarizadas com os planos da editora.

Lá, a WB Games planejava falar sobre vários jogos muito esperados, incluindo um novo Batman, um jogo de Harry Potter que vazou em 2018 e o próximo jogo dos desenvolvedores do Arkham, Rocksteady Studios.

Resta ver se a Warner Bros. realizará seu próprio evento digital ou fará algo completamente diferente.

FOBIA: falamos sobre terror
e videogame com os criadores do jogo

A E3, que funciona de várias formas desde 1995, vem enfrentando uma crise existencial este ano. Após anos operando como um evento exclusivo do setor, o show foi aberto ao público em 2017.

A ESA se viu envolvida em conflitos com várias partes, incluindo a Sony, que saiu da E3 no ano passado e planejava fazer o mesmo em 2020, mesmo antes do susto do coronavírus.

Muitos especialistas e observadores especularam que a E3 precisava de algum tipo de revitalização para se manter relevante na era digital.

Por que Cyberpunk 2077 foi adiado?
Cyberpunk 2077 foi anunciado na E3 2019 e surpreendeu com Keanu Reeves

Foi um ano ruim para a ESA. No ano passado, a E3 vazou as informações pessoais de milhares de jornalistas.

No início deste ano, a personalidade de videogame Geoff Keighley anunciou que iria sair do show, onde tradicionalmente organizava um evento chamado E3 Coliseum, cheio de painéis e entrevistas.

E na semana passada, o diretor criativo da E3, iam8bit, também saiu do programa por razões que pareciam não relacionadas ao coronavírus.

Redator Pixel

Escrito com carinho por um dos nossos melhores redatores :)