PES 2019 investe pesado em times brasileiros para conquistar o país do futebol

PES 2019 investe pesado em times brasileiros para conquistar o país do futebol

Os jogos de futebol que divertiam a galera há 10 anos já não existem mais. A cada ano que passa, Pro Evolution Soccer e FIFA acirram a disputa por conteúdos exclusivos para chamar a atenção do público. Em 2019, o rolê está tão louco que a marca de PES 2019 vai até aparecer em camisas de clubes brasileiros.

Nós demos uma checada no que a Konami tem para oferecer ao público com PES 2019 e, apesar de ter perdido a Champions League para o FIFA, o game ainda pode agradar muitos brasileiros.

O futebol mudou

O ano é 2003. Após o fechamento de mais um bimestre letivo de boas notas e sucesso na escola, finalmente fui merecedor de um PS1 usado, comprado com o suado dinheirinho do meu pai. Além de vir com jogos clássicos como o amado Spyro The Dragon, o console de segunda mão também tinha um game que não pode faltar na biblioteca gamer dos brasileiros: um jogo de futebol.

Com gráficos pixelizados e uma narração adaptada por fãs, o Winning Eleven de 2001 trazia um amontoado de times e diferentes jogadores que faziam até meu pai, fanático por futebol, ficar impressionado pela representação fidedigna.

Agora, vamos para 2018. Graças ao PS1 de 2003, o garoto que vos escreve se tornou jornalista de games, e apesar de ter perdido contato com o futebol esporte, ainda acompanha as tretas envolvendo os jogos. Enquanto na infância se impressionava ao ver jogadores sendo representados dentro do game, agora fica espantado com as notícias de que grandes clubes brasileiros terão a marca do jogo em seu uniforme.

Pois é, a divulgação de PES 2019 foi tão agressiva no Brasil que além de fechar parcerias com grandes equipes do país do futebol, a Konami garantiu que a marca do jogo aparecesse nas camisetas dos jogadores.

PES 2019 investiu pesado nos times brasileiros

Além de garantir presença no futebol brasileiro dentro de campo, a Konami também conseguiu abocanhar a exclusividade de cinco grandes times do Brasil: São Paulo, Corinthians, Palmeiras, Flamengo e Vasco.

Graças aos acordos, a desenvolvedora trouxe os cinco times com estádios, uniformes e jogadores oficiais, além de elementos extras para os clubes. Para quem torce para estes clubes, vale a pena ficar de olho no game.

Times como Grêmio e Botafogo têm uniformes
corretos, mas trazem jogadores genéricos

Graças a um acordo com a CBF, a Konami também conseguiu o Brasileirão com times 100% licenciados, porém, com algumas equipes trazendo jogadores genéricos, incluindo Grêmio, Botafogo e América Mineiro.

E como está lá fora?

Apesar de ter mandado bem com o Campeonato Brasileiro, a Konami não conseguiu trazer algumas equipes bem grandes para PES 2019.

Na parte dos clubes, a famosa Liga Espanhola, por exemplo, só traz o time do Barcelona 100% licenciado, o que era de se esperar, levando em conta que o clube é a capa do jogo. Apesar da ausência de escudos e uniformes oficiais, pelo menos os jogadores de times como Real Madrid ainda estão presentes.

Cristiano Ronaldo vestindo o manto do Real Madrid MD White
Cristiano Ronaldo vestindo o manto do Real Madrid MD White

O campeonato inglês também perdeu os escudos de grandes equipes como Manchester City, United e o Chelsea. A Juventus, da Itália, também acabou ficando sem uniformes oficiais. A Liga Francesa, por outro lado, vem completa e com todos os times certinhos.

Um problema que deve desagradar os jogadores brasileiros é a seleção do nosso país. Apesar da parceria para trazer o campeonato brasileiro mais completo deste ano, a seleção do Brasil traz jogadores genéricos.

pes-2019-brasil-juventus
A seleção brasileira possui jogadores genéricos e uniforme certinho, enquanto a Juventus possui jogadores certinhos e uniformes genéricos

Apesar de muitos clubes grandes e até a nossa seleção terem ficado sem licença completa, a Konami também conseguiu trazer algumas ligas estrangeiras menos conhecidas para o Pro Evolution Soccer. A companhia licenciou integralmente campeonatos como a liga portuguesa e da Rússia.

Assim como fez com o brasileirão, possivelmente a estratégia da desenvolvedora é atacar mercados mais específicos para bater o FIFA.

Gameplay

https://www.youtube.com/watch?v=o2wrIb5xprQ

Na parte de gameplay, PES 2019 continua com sua jogabilidade bem arcade, incluindo aquelas corridas marotas pela lateral, mas tentando puxar o jogo para a realidade. A Konami adicionou algumas mudanças como os “momentos mágicos”, que trazem movimentos especiais para jogadores específicos, e um novo sistema de fadiga.

Na hora do “vamo vê”, porém, as coisas continuam como sempre. No modo offline, o jogo continua com seus modos clássicos. Além do tradicional amistoso, temos a Master Liga, o Rumo ao Estrelato, Copa e Liga. Para quem joga online, o que não é o meu caso, o popular MyClub está presente, além de um modo que permite jogar de forma cooperativa online.

Os jogadores licenciados no Brasil ajudam a trazer uma experiência mais imersiva em modos como a Master Liga, mas o game fica longe de bater o FIFA na diversidade de gameplay. O concorrente já está na terceira temporada de sua campanha single-player e, em sua edição deste ano, também contará com mais modos arcade, incluindo um “battle royale”.

No final das contas, não importa qual jogo de futebol você escolha em 2019, com certeza algum aspecto vai te deixar pistola. FIFA 19 já anunciou a presença de diversos times estrangeiros de forma licenciada, mas contará com jogadores genéricos em alguns times brasileiros.

Times brasileiros presentes no PES 2019
Times brasileiros presentes no PES 2019

Por outro lado, PES 2019 traz uma experiência acima da média no Brasileirão graças aos times exclusivos e esforços para licenciar todos os clubes do país com uniformes e o máximo de jogadores. Apesar disso, alguns times importantes acabaram ficando sem escudo e a seleção canarinho, com um time totalmente aleatório.

Para quem curte jogar com seu time do coração brasileiro completinho e quer o “arroz com feijão” do futebol nos games, PES 2019 com certeza serve muito bem. Aos jogadores que buscam mais do que isso, o negócio é esperar e ver o que a concorrência também tem para oferecer, comparar e ver o que vale mais a pena.

Com essa salada de licenciamentos e jogadores genéricos, fica difícil escolher um lado do campo sem acabar ficando na desvantagem. Ah, e vale lembrar: PES 2019 tem uma demonstração gratuita para PC e também nos consoles.

Apoie o Nacionais e concorra a games mensalmente

Redator Pixel

Escrito com carinho por um dos nossos melhores redatores :)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.