Telltale Games: saiba o que muda com a compra do estúdio

Telltale Games: saiba o que muda com a compra do estúdio

A Telltale Games foi comprada no final de agosto e seu novo dono está fazendo grandes mudanças e promessas.

A LCG Entertainment, nome da empresa que fez a aquisição, é comandada principalmente por Jamie Ottilie e Brian Waddle.

A Telltale Games está de volta!

O principal porta voz é Ottilie, que conversou com o portal de notícias Polygon e contou que a compra não foi nada fácil.

Foram seis meses de negociação para conseguir acertar os detalhes do contrato. Listo abaixo os principais comentários de sua entrevista e o que podemos esperar daqui para frente.

  • Alguns títulos vão voltar: Para manter o nome e aproveitar a marca, alguns jogos que já conhecemos devem voltar como continuação ou uma nova saga.

    Apesar disso, ele não comentou quais serão os jogos. Mas algo é certo, The Walking Dead não retornará.

    Os direitos da franquia está nas mãos da Skybound, que assumiu a produção da série no final da última temporada.
  • Animações serão terceirizadas: Ottillie conta que alguns serviços serão terceirizados para dar agilidade aos projetos e também economizar.

    As animações e capturas de movimentos estão nesta lista. A parte de desenvolvimento e códigos será feito internamente.
  • Jogos em episódios, mas algo vai mudar: O representante da nova fase do estúdio explicou que os jogos de episódios já não seguem o ritmo de consumo de mídia atual.

    Ele diz consumir compulsivamente os conteúdos e se mostrou favorável ao formato de episódios, mas deixou claro que algo precisá mudar.

    Interpretando a fala dele, acredito que o intervalo entre os episódios possam diminuir, ou então algo parecido com The Dark Pictures: Man of Medan, vem por aí.

Essas são algumas mudanças que podemos esperar a partir de agora, acredito que em 2020 já podemos ver algum vazamento ou teaser trailer de alguma novidade vinda do estúdio.

A Plague Tale: Innocence equilibra narrativa
e gameplay num jogo cativante e original | Crítica

Isso porque a empresa também precisa mostrar que está viva. Mas, sem dúvida há muita coisa para acertar na casa.

Redator Pixel

Escrito com carinho por um dos nossos melhores redatores :)