World War 3 vale a pena? O que você precisa saber sobre o jogo de guerra moderna online

World War 3 vale a pena? O que você precisa saber sobre o jogo de guerra moderna online

A desenvolvedora independente The Farm 51 lançou em outubro o jogo World War 3, bastante esperado pela comunidade de jogos de tiro em primeira pessoa. Ainda em acesso antecipado, o título traz uma pegada bem Battlefield, com partidas longas e visando uma experiência mais realista.

Olhando por cima, o jogo pode servir de refúgio para a galera que sente saudade dos jogos de Battlefield se passando em tempos atuais ou futuros, algo que não aconteceu ano passado e nem vai rolar em 2018.

Projeto promissor

Apesar do nome remeter e gerar piadas como se o jogo fosse uma sequência em uma franquia, World War 3 é um jogo original ambientado em uma suposta Terceira Guerra Mundial. Focado no multiplayer online, o game foi feito por pessoas que “cresceram jogando FPS”, segundo o site da Farm 51, e contou com a ajuda de profissionais da área militar durante seu desenvolvimento.

As partidas são longas e suportam
até 64 jogadores divididos em equipes

O game traz mapas de grande escala e partidas com até 64 jogadores divididos em esquadrões. Durante o gameplay, os times são divididos em duas equipes, West and East, e vence quem conseguir mais pontos mantendo as áreas de interesse.

Além de trazer armas leves e pesadas, bem como acessórios que incluem até drones, o jogo tem veículos espalhados no mapa, que auxiliam na movimentação e embates, como é caso dos tanques. A fórmula do game pode ser considerada um respiro em meio à ascensão dos jogos de battle royale, mesmo que a proposta não seja inovadora.

Para quem joga Battlefield, os ingredientes principais de World War 3 chamam a atenção. Segundo dados da desenvolvedora, o título conseguiu vender mais de 100 mil cópias em seus dois primeiros dias na Steam. Atualmente, o game conta com cerca de 5 mil jogadores ativos diariamente.

A adoção da comunidade é positiva, afinal, um game online sem pessoas não é nada. Além disso, toda essa galera pode auxiliar o jogo a crescer e melhorar, uma vez que ele está em acesso antecipado e precisa de melhorias.

Ainda está em desenvolvimento

https://www.youtube.com/watch?v=6N1LbdJfr_E

Como a maioria dos jogos em acesso antecipado, World War 3 chegou na Steam com severos problemas de desempenho. No final de outubro, a média de avaliações do game na Steam estava neutra por causa dos erros de conexão e bugs.

No lançamento, as principais reclamações estavam relacionadas à conectividade e servidores do jogo, que não respondiam de forma correta. O estúdio conseguiu contornar as dificuldades com um patch, mas o jogo ainda sobre com instabilidades técnicas.

WW3 ficará em acesso antecipado
por cerca de um ano, custando R$ 66

O jogo traz gráficos muito bonitos em sua configuração máxima, mas para conseguir rodá-los com todo o potencial não é uma tarefa simples, pelo menos por enquanto. Os requisitos mínimos listam 8GB de memória RAM, um processador Intel Core i5-2500K e placa de vídeo GTX 770.

O Acer VX5, notebook que uso para jogar, se encaixa nas especificações do game e até consegue rodar o game com os gráficos em seu mais alto nível, mas com quedas de frame constantes. Para ter uma experiência mais perene, foi necessário baixar os efeitos para o médio, o que garantiu 60 frames por segundo, mas com uma experiência visual mais pobre.

No restante, o jogo traz um set de armas interessante e uma ambientação bastante realista. Para quem está se sentindo órfão de um Battlefield e está cansado de tantos jogos de Battle Royale, World War 3 é um bom respiro no mundo dos jogos em primeira pessoa. Para se divertir, você só precisa de um PC bom e paciência para alguns bugs e as telas de loading, que são relativamente demoradas. Vale lembrar, também, que o jogo não tem servidores no Brasil, logo, uma internet decente também faz a diferença.

Acesse a página de WW3 na Steam

Segundo a desenvolvedora, World War 3 ficará em acesso antecipado por cerca de um ano e, durante este tempo, custará R$ 66. Após o jogo estar completo, o preço será aumentado e novos conteúdos serão liberados gratuitamente para o game.

Com isso em mente, você, que está interessado no título, ainda tem uns 12 meses para comprá-lo com um preço mais em conta, vai da sua vontade de ajudar o projeto e enfrentar bugs. Com certeza teremos novos patches melhorando a experiência com World War 3 em breve. Se você quiser esperar por aprimoramentos, tudo bem, a guerra vai continuar e, ao que tudo indica, tem tudo para ficar cada vez melhor.

Ajude o Nacionais e concorra a jogos

Redator Pixel

Escrito com carinho por um dos nossos melhores redatores :)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.