Alan Wake Remastered chega sem suporte a Ray Tracing ou HDR

Alan Wake Remastered chega sem suporte a Ray Tracing ou HDR

A desenvolvedora de Alan Wake Remastered, Remedy Games confirmou em um F.A.Q na última quinta-feira (09) que a nova versão do thriller de terror não abraçará o Ray Tracing nem o HDR para melhorias gráficas e de iluminação.

Essas duas das muitas novas tecnologias da nova geração ficarão de fora do Remastered, e mesmo sem elas a desenvolvedora apontou algumas melhorias na nova versão como: Gráficos 4K a 60 FPS no Xbox Series X, PS5, PS4 Pro e Xbox One X; cutscenes aprimoradas e refeitas com sincronização labial melhorada; detalhes ambientais mais ricos; efeitos visuais e iluminação aprimoradas.

Segundo a Remedy Games, “a adição de suporte a Ray Tracing / HDR foi considerada muito demorada. Isso teria tirado recursos de outras áreas críticas… Estamos confiantes de que o jogo parece ótimo, mesmo sem suporte a Ray Tracing / HDR”.

Alan Wake Remastered|Divulgação/Remedy Games

Mesmo não usufruindo dessas tecnologias, que são sem dúvidas um diferencial na qualidade de qualquer jogo, os jogadores do PC terão suporte para o DLSS Nvidia e tela widescreen 21:9. Já no Playstation 5, os gatilhos adaptáveis do dualsense terão seu papel em Alan Wake Remastered.

RELACIONADOS:
ALAN WAKE REMASTERED TEM NOVOS DETALHES VAZADOS
ALAN WAKE VAI VIRAR SÉRIE DE TV E ISSO É UMA BAITA NOTÍCIA

Dependendo da intensidade e força que o jogador pressionar o gatilho esquerdo, a intensidade da luz da lanterna será ou mais, ou menos intensa. “O gatilho direito é usado para atirar com armas, mas há uma diferença clara no feedback tátil e na resistência ao usar uma pistola e um rifle”, disse a desenvolvedora.

Fonte: Alan Wake FAQ

Gabriel Cavalheiro

Redator de conteúdo no nicho de games. Devorador de jogos indies, mobile e de Mega Man.